36comentários

O Básico Pra Cuidar de Câmeras de Filme… e de Filmes

por em 24/11/2011
 

Esse é mais um daqueles posts do tipo “já escreveram muito, e muito bem sobre esse assunto, então só vou resumir e colocar embaixo uma lista de links pra outros sites”, ok? Assim ninguém perde tempo ;-)

Girls, por buiu

Girls, por buiu

  • Câmeras:
  • Mantenha em lugar arejado, protegido de umidade e poeira (o blablablá de sempre). Isso significa não trancar num armário abafado e não manter dentro de capas de couro que só vão aumentar a chance de mofo. Mas também significa não deixar em lugares abertos, pegando poeira, umidade, etc.
  • Pra ajudar na questão acima, deixe sempre, junto da máquina, algum dispositivo anti-mofo. Hoje em dia tem trocentos disponíveis nos supermercados.
  • Limpe as lentes somente com produtos adequados pra isso. Não use alcool, vidrex, nem nada do tipo. Principalmente em câmeras lomográficas/toycameras. As lentes são de plástico, e se você colocar algo muito forte… babau lente.
  • Se for tirar fotos na praia, deserto, Marte, ou outro lugar cheio de areia, poeira ou similares, lembre-se de proteger bem a câmera enquanto não estiver em uso, e de limpar ela com um pincel ou spray de ar quando chegar em casa (ou no hotel, ou no albergue, ou na barraca…).
  • Filmes:
    • Mantenha seus filmes, se possível, na caixinha original e no potinho. Assim ele fica mais protegido de luz, poeira e umidade.
    • Não TEM QUE guardar na geladeira… mas, se possível, guarde, até porque você pode achar que vai usar esses filmes logo, mas demorar anos pra usar. E filmes têm data de vencimento. Logo, pra eles continuarem “usáveis” depois de vencidos, estar na geladeira é bom. ATENÇÃO: Se você mora em uma cidade quente (temperatura média acima dos 30 graus), esqueça tudo que eu disse. GUARDE TUDO na geladeira, o tempo todo, ok?
    • “Diz que” passar filme no Raio X do aeroporto estraga ele. Minha experiência mostra que não estraga. Pesquisas (minhas, na internet. E não do IBGE ou do IBOPE) mostram que antigamente essas máquinas de raio-x eram mais agressivas. Hoje são menos, e por isso não danificam (ou não danificam TANTO os filmes). Os sites dos fabricantes ainda recomendam que você peça pro carinha do portão de embarque pra não passar os filmes pelo raio-x, o que já fiz várias vezes, mas vai por jmim… a dor de cabeça não compensa.

    Vamos aos links então:

    Fotografe uma Idéia- 8 dicas para cuidar de sua câmera.

    Consigo Som & Imagem – Como fazer a Manutenção Preventiva de Equipamentos de Foto & Vídeo – Guia Prático

    Fernando Fernandes – Limpeza de Objetivas

    Lomography – O que eu devo lembrar para cuidar da minha Diana F+

    Ajudou?

    Abs!

    293/365 {SOOC Film}, por CaioBraga

    293/365 {SOOC Film}, por CaioBraga

    Quanto vale esse post pra você?
    Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

    comentários
     
    Deixe uma resposta »

     
    • Marcello
      08/08/2014 em 1:52 pm

      Depois de começar a guarda-los na Geladeira, tem problema se eu tirar para uma viagem ou algo assim, essa variação brusca interfere em alguma coisa?

      Responder

      • 11/08/2014 em 7:29 am

        Oi Marcello! Não, problema nenhum. Recomenda-se porém esperar algumas horas depois de tirar da geladeira porque o filme fica molhado, o que pode atrapalhar as fotos, ok?

        Responder

    • Mariana
      15/08/2013 em 5:19 pm

      Meus filmes instantâneos estragaram depois de passarem pelo raio x
      =/

      Será que o raio x do bagageiro é menos agressivo?

      Responder

      • 16/08/2013 em 10:34 pm

        Oi Mariana! Tem certeza que foi o raio x? É estranho um filme estragar completamente depois de apenas uma simples passagem no raio x.

        Sobre qual é pior/melhor, o raio x das malas de não é o mais fraco, ok? :-)

        Responder

    • Lonez
      14/08/2013 em 2:57 pm

      Comprei uns filmes da Freestyle, depois de quase 2 meses, finalmente chegaram! :D
      2 filmes coloridos
      4 filmes P&B

      Como aqui a umidade do ar é BASTANTE alta (SC), tenho que guardar na geladeira! Ok!
      Mas na geladeira mesmo ou no congelador seria o mais correto?
      Eles vieram dentro de um cartucho plástico transparente, normal. Posso simplismente dar uns 2 nós na ponta do cartucho e tacar na geladeira assim ou precisaria de algum saco a prova de umidade? (Afinal, nossa geladeira não é FrostFree, então imagino que tem bastante umidade la dentro também).

      Valeu :D

      Responder

      • 15/08/2013 em 11:06 am

        Opa Lonez! Basta guardar na geladeira, como se fosse comida. Simples assim. E basta estar num potinho ou saco plástico. O filme não é tão sensível à umidade. Afinal, a gente revela ele com água, né? :-)

        Responder

    • Natan S.
      15/05/2013 em 8:52 pm

      Oi, queria tirar uma dúvida, tenho uma toy camera(action sampler pra ser exato) minha mae disse que, após abrir a caixa da camera onde fica o filme, ele queima. É verdade??? pois já abri várias vezes e quero saber disso. Obrigado! ;)

      Responder

      • 16/05/2013 em 9:53 am

        Oi Natan! Sim, é verdade. Os filmes fotográficos são sensíveis à luz. É a luz que, entrando pela lente, forma as imagens. Quando você abre a câmera, deixa entrar uma quantidade muito grande de luz, que “queima” o filme (pra ser mais exato, a parte que ficou exposta à luz. O que ainda está dentro do rolo não queima).

        Ouça sua mãe. Ela sabe do que está falando ;-P Ninguém entende melhor de fotografia analógica do que quem viveu ela na prática…hehehe…

        Abs,

        Responder

    • Lígia Ferreira
      22/10/2012 em 5:54 pm

      Olá! Olha, eu comprei uma Pentax Spotmatic lindinha, mas não sei onde guarda-la. Ela veio com a capinha de couro e tal e sempre guardava com a capinha e dentro do armário rs. Agora que li, o que faço ? Tem alguma dica ?
      Beijos e ótimo post!

      Responder

      • 22/10/2012 em 7:50 pm

        Oi Ligia! Vai depender de onde você mora, da temperatura e da umidade local… sabe me dar essas infos?

        Responder

        • Lígia Ferreira
          23/10/2012 em 8:16 pm

          Claro! Moro em SP, capital. Normalmente a temperatura vai de 15° a 30°, umidade não sei bem.

          Responder

          • 24/10/2012 em 6:13 pm

            Opa! Então moramos na mesma cidade ;-)

            SP é primordialmente seca. Logo, você pode deixar ela em qualquer armário, desde que ele “respire”. Pode deixar ela na capa, mas deixe a capa aberta pra entrar um arzinho. Daí pode deixar junto um daqueles anti-mofo que vende no supermercado, só por segurança. Se você perceber que o anti-mofo está gastando rápido demais, troque de armário porque esse é muito frio/úmido por algum motivo que não o clima da cidade, como caracteristicas do seu prédio/bairro/apartamento…

            Responder

    • 09/08/2012 em 1:06 pm

      Excelente dicas. Bastante esclarecedor e sucinto. Adorei.

      Responder

    • Robério
      09/06/2012 em 3:53 pm

      Olá André,tudo bom? Primeiro parabéns pelo site ele é muito útil. e segundo eu gostaria de tirar uma dúvida eu tenho uma Olympus Trip e uma Pen todas duas tem manchinhas e pontinhos branco na parte metálica e essas manchinha parece ser bem comum nas câmeras que vejo por ai. minha dúvida é, se existe um produto para eliminar e se isso e se acontece pelo armazenamento? obrigado.

      Responder

      • 11/06/2012 em 10:16 am

        Opa Robério! Tudo bem? Obrigado pelos parabéns! ;-)

        Olha, realmente essas bolinhas são comuns. O que você pode fazer é tentar álcool, ou passar algo que “lixe” elas, como uma palha de aço, ou lixa de unha.

        Mas talvez o melhor e mais seguro seja deixar como está… :-)

        Abs!!

        Responder

    • Karolinemattos
      18/03/2012 em 2:34 pm

      Olá! Sou iniciante, e comecei com um filme 120 em uma Dianaf+. Logo que comprei os filmes e a câmera, não tive os cuidados necessários com os filmes no começo, mas depois que li o post coloquei todos na geladeira, pq a minha cidade é bem quente (belém/pa). Mas a minha duvida é, usei os filmes e ainda não encontrei um lab que revele 120 aqui na minha cidade, como faço? Onde guardo ate achar um lab ou ate eu ir a SP? Eu os coloquei no geladeira de volta, to torcendo pra nao ter estragado tudo. :-)

      Responder

      • 18/03/2012 em 5:46 pm

        Oi Karoline!

        Good news. Você fez exatamente o que a Kodak recomenda (e serve pra qualquer filme de qualquer fabricante): se não puder revelar logo seu filme usado, guarde-o na geladeira.

        Bjs,

        Responder

    • Laylah
      12/12/2011 em 10:36 pm

      Fala, André! Vai o link da imagem de uma das câmeras (http://img140.imageshack.us/img140/5667/dsc05370x.jpg). Diz meu pai que ela funciona (o.O nossa… tá uma desgraça, né? Eu sei…), mas eu ainda quero encontrar a que era do meu avô aqui em casa, uma Rolleiflex parecida com essa. Vou caçar aqui, se me deixarem fuçar os armários e então mostro a bichinha também. As duas são bem legais e eu sempre mexi nelas desde criança, mas nunca tirei foto com ela. Ah, pra conseguir uma foto de alguma delas preciso convencer meu pai a me deixar mexer nas caixas – aí é duro. Vou tentar, ok?

      Responder

    • Laylah
      09/12/2011 em 12:21 pm

      Sim, sim, eu sei que tem que ter um pouco de senso também. hahahaha

      Responder

    • 07/12/2011 em 4:27 am

      Tenho gardado nos potinhos dos filmes. Mas agora que comprei o scanner e estou tendo que cortar os negativos, to organizando de outro jeito. Qualquer dia também faço um posto sobre isso kkkkkkkkk

      Mas a dica do anti-mofo é legal, vou arrumar uns para deixar junto dos filmes e das câmeras…

      Responder

      • 07/12/2011 em 6:38 pm

        Opa Tuku!

        Acho o anti-mofo essencial. Pode usar também saquinhos de silica gel. Algumas lojas de material fotográfico vendem potes grandes de sílica. Eu compro, faço uns amarrados com panos (camiseta velha, etc) e uso. O ideal é que o pano/tecido seja branco, porque a maioria dessas silicas mudam de cor quando ficam umidas. Aí é só colocar no forno que ela seca, e aí aproveita-se de novo. bem econômico e ecológico :-)

        Olha um saquinho bom e barato… http://www.consigo.com.br/detalhes.php?produto_id=1426

        Responder

    • Laylah
      01/12/2011 em 3:13 pm

      Oi! Caramba, to pensando em ressuscitar uma máquina lá de casa (que aparentemente já foi do meu vô e queria descobrir se funciona) e estava pensando qual pode ser o filme dela. Você sabe dizer onde eu descubro isso? E falar na coisinha… se não estiver funcionando, vai ser triste, porque eu estou morrendo pra ter uma dessas e, poxa, é muito difícil encontrar pra vender e, se encontrar, deve ser caro como toda antiguidade hoje em dia. Quem tem não quer deixar de ter também. Mas vamos ver no que dá! A propósito, seu site é muito legal e, bem, sim, eu favoritei. Obrigada!

      Responder

      • 01/12/2011 em 9:08 pm

        Oi Laylah! Olha, Provavelmente é filme 35mm mesmo. Mas pra saber com certeza preciso saber o modelo ou ver uma foto da câmera… Pode mandar pra gente? Pode mandar por aqui pelos comentários, ok?

        Abs!

        Responder

      • 01/12/2011 em 9:10 pm

        Outra coisa: se ela não estiver funcionando, procura uma Olimpus Trip 35. É uma excelente câmera, e você consegue comprar por menos de 100 reais.

        Responder

        • Laylah
          08/12/2011 em 10:26 pm

          Ah, boa dica! Obrigada! Eu estava vendo preços antes. Assim que eu for pra casa dos meus pais eu tiro uma foto dela. Sinceramente? Não deve estar funcionando. Mas quem sabe, né? Então eu posto aqui provavelmente segunda. Vou ver se encontro alguma foto dela e também vou ver se meu pai tem alguma outra máquina antiga. Aproveitando que eu estou aqui, obrigada por contar que a foto sempre está lá no negativo ¬¬ deu vontade de matar uns labs agora. Realmente, eis a vantagem de ter um scanner ou revelar as próprias fotos. A segunda opção é uma boa porque meu pai sabe como fazer, mas sempre tem o detalhe dos químicos. Quanto ao scanner, acho que tem um na escola. Isso é bom. Dá pra usar pelos próximos três anos. Bom, chega de enrolar. Até segunda!

          Responder

          • 09/12/2011 em 12:10 am

            A gente fica esperando pra ver qual é a câmera! :-)

            Sobre os negativos, você nem precisa relevar o negativo em casa. Pode mandar revelar o negativo num laboratório, mas não mandar ampliar (passar pro papel) e deixar pra scanear em casa.

            Mas lembre-se: o fato da foto “estar sempre no negativo” não quer dizer que ela esteja linda e maravilhosa. Quer dizer que, seja o que for quer você fotografou, está lá pra você conferir pessoalmente. Se você fotografou um gato preto de olhos fechados no escuro, é claro que não vai aparecer nada no negativo, nem rezando… :-)

            Responder

    • 25/11/2011 em 6:46 pm

      Bacana o post. É sempre bom lembrar ao pessoal dos cuidados básicos

      Dicas pra cuidar dos negativos??

      Responder

      • 25/11/2011 em 9:41 pm

        Opa Tuku! Vou fazer um post sobre isso dia desses. Eu guardo em envelopes, um pra cada rolo revelado, em uma caixa de plástico (dessas de organizar a casa), com anti-mofo. Deixo a caixa na prateleira do escritório mesmo…

        E você? Faz como?

        Abs!

        Responder

    Deixa aí seu comentário!