12comentários

Coisas estranhas do mundo da fotografia analógica… Parte 1 de infinitas.

por em 26/01/2012
 

De vez em quando me pego pensando que vou escrever um post citando determinado processo, objeto ou elemento da fotografia analógica, e me dou conta de que é algo que só a galera mais das antigas vai saber o que é. Nessas horas sempre penso em escrever um post pra apresentar essas coisas pra vocês, mas nunca escrevo.

Pois bem, voilá! Finalmente vai ao ar, neste momento o primeiro de uma série de posts sobre “esses troços da fotografia analógica que não são nem filmes nem câmeras”. Talvez você já conheça alguns, mas du-vi-do que conheça todos ;-) Vamos ver?

Mas antes, vale dizer que a ordem e a escolha dos elementos desse e dos demais posts segue a seguinte lógica: vou escrevendo de acordo com o que vou lembrando, sem ordenação alfabética, periódica, de cor, raça, sexo ou religião, ok?

Folha de Contato: muito usada até hoje, é uma das formas mais legais de se ver o que saiu no filme antes de ampliar. É uma folha de papel fotográfico aonde são impressas todas as fotos de um grupo de tiras de negativo. É legal que dá pra rabiscar, anotar qual gostou e qual tá ruim, qual tem que clarear, qual crop (corte) você quer dar…

Bomba de Ar: Esse é o menos estranho dessa lista. Também conhecido como “fuc-fuc” (pode rir), serve pra jogar ar no que você quiser. Nas lentes, pra tirar poeira, nos negativos, pra tirar poeira, dentro da câmera, pra tirar poeira, na cara do seu gato, pra encher o saco dele.

Silica Gel: É a mesma coisa que tem naqueles saquinhos pequenininhos que vêm em embalagens de coisas novas, como eletrônicos. Só que você pode comprar aos montes, fazer seus próprios saquinhos, e colocar com seus negativ os, lentes… pra não mofar. A silica suga a umidade do ar a sua volta. Quando ela muda de cor (geralmente de azul pra rosa) é porque tá na hora de colocar no forno (tô falando sério!) pra ela secar. Secou, tá pronta pra usar de novo.

Filme Rebobinado: É filme, só que colocado no rolinho de forma meio que caseira. Seguinte: fulano compra um rebobinador, um rolo de filme de trocentos metros, que vem numa lata, arranja uns rolinhos vazios, e depois vai enchendo os rolinhos vazios com partes do rolão. Isso é um filme rebobinado.


Rebobinador
:
é o troço que permite você fazer filmes rebobinados, como falei aí em cima.

Cabo disparador: é um controle remoto com fio. Você coloca a ponta de baixo na câmera (ela tem que ter encaixe pra isso, mas muitas das antigas, e algumas da Lomography, têm), e na ponta de cima tem um botão. Você aperta o botão, um cabo de aço dentro do fio lá do outro lado aperta o disparador. Parece coisa de desenho animado, né?

Conta Fios: Ainda usado por desenhistas e artistas gráficos, era usado pra ver de pertiiinho os negativos sobre uma mesa de luz, e avaliar a qualidade das fotos. É meio que uma lupa pra ver negativos.

Mesa de luz: Uma mesa, com luz embaixo. Você coloca os negativos em cima, o Conta Fios em cima do negativo, e vê quais fotos saíram boas. Dá pra ver um cara usando, tanto a mesa de luz, quanto o conta fios, nesse video.

Bom… por hoje é só. Assim que juntar mais uma quantidade boa, publico a parte 2 dessa série ;-)

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 
  • Danielle Luce Flô
    12/04/2012 em 6:42 pm

    Ahh!! E o conta fios e a mesa de luz são também muito utilizados por profissionais da conservação e restauração.

    Responder

  • Danielle Luce Flô
    12/04/2012 em 6:34 pm

    Hahuahauhaua… PROCUREI O BOTÃO DE CURTIR!! Engraçado e bastante instrutivo… aguardo os próximos. :D

    Responder

  • Mayara
    02/02/2012 em 11:03 am

    André, aproveitando pra tirar dúvidas, tenho certeza que ainda vai falar sobre isso, mas… o que significa R ou IR ? por exemplo IR820 ou R50, R100 ?

    Responder

  • 26/01/2012 em 11:06 pm

    Eu nem sou tão da antiga assim e ja conheço grande parte desse objetos, meu caro deposite mais esperança na nossa geração! Abraço

    Responder

  • 26/01/2012 em 2:57 pm

    ahahaha adorei o fuc fuc ser usado pra encher o saco do gato. só quem tem gato sabe como importuná-los da melhor maneira.

    Responder

  • Marcio
    26/01/2012 em 1:14 pm

    Muito bom, 3 perguntas: sabe onde arranjo rolos vazio de filme? onde acho pra vender a mesa de luz e o conta fio e qto custa cada um? valew e continue atualizando todos os dias o site, cada dia aprendo mais aqui.

    Responder

    • 26/01/2012 em 1:54 pm

      Opa Marcio!

      Rolo vazio você pede nas lojas que revelam mesmo. Pede pra guardarem pra você.

      Mesa de luz e conta-fios eu achei (e comprei! :-) na Consigo Som e Imagem, no centro de SP. Mas no site deles acho que vende tb. Mesa de luz foi uns 90 reais, uma bem pequena, do tamanho de um livro, e o conta-fios foi uns 25.

      No mais, que bom que ta gostando! A idéia é continuar postando todo dia sim! :-)

      Abs!

      Responder

Deixa aí seu comentário!