12comentários

Sabe o que é Bokeh? Dica: não é Buquê (de flores) em outra língua…

por em 06/02/2012
 
Origami

O Fellipe usou uma lente 50mm de f/1.8 pra fazer esse bokeh...

No mundo da fotografia, existem algumas palavras que ficam na moda de vez em quando. Uma das mais recentes é a palavra Bokeh. Você já deve ter lido ela no twitter, ou em artigos, ou em textos de fotógrafos que se acham muito bons e falam disso sem nem saber o que é.

Bokeh, a grosso modo, é aquela parte da foto que fica fora de foco, embaçada.

O Rato de Brinquedo e o Gato Fantasma / The Toy Mouse and the Ghost Cat

Bokeh misturado com longa exposição. Fundo embaçado pelo bokeh, gato embaçado pelo movimento.


“Pô! Então minha foto fora de foco tá cheia de bokeh?”
Não, calma, também não é assim. Esse nome bonitinho, que vem de uma palavra japonesa (que significa exatamente “embaçado”), tem um motivo de ser. O bokeh é o “fora de foco com uma proposta”. É o “embaçado com um conceito por trás”.É aquele embaçado que faz a foto parecer bucólica, melancólica, romântica e até fofinha (principalmente nas fotos de gatos ;-). Esses embaçados têm uma qualidade visual alta, e fazem a foto ficar melhor, e não pior. São intencionais, calculados.

“E o que isso tem a ver com foto com filme?” Tudo e nada. Na verdade tem a ver com lentes, seja de filme, seja de digitais, que sejam claras e rápidas, e portanto permitam esse tipo de foco “raso”, que deixa uma parte pequena da cena em foco, e outras fora de foco. Essas lentes até existem em câmeras de plástico, mas são mais comuns em câmeras “de verdade”, como alguns gostam de chamar as câmeras SLR, DSLR e outras amadoras, porém mais trabalhadinhas, como a Olimpus Trip 35.

Pega uma lente clara, bota a abertura lá em cima (número pequeno), foca no objeto, e o resto fica fora de foco.

“E como eu sei se minha lente faz isso?” Até que é fácil. Basta ver se a abertura da sua lente é alta, perto do f/2.0. Quanto maior a abertura, menor o número (isso mesmo. Abertura f/1.4 é MAIOR que abertura f/1.8 que é MAIOR que f/2.0). Se você tem uma câmera dessas bonitudas, Canon, Nikon, Olympus etc, provavelmente ela tem isso marcada no corpo da lente, ou da câmera, pro caso de lentes fixas.  Se você tem uma Diana F+, também vai encontrar lentes que fazem belos bokehs.

[Update de 21/03/2012: O leitor Gabriel Q. Kubrusly nos mandou o seguinte comentário hoje no Facebook, que está corretíssimo:

“cara, vcs só exploraram a dimenção do f stop na produção do Bokeh! Como assim? Todo mundo sabe que a variável mais importante para a profundidade do foco é a distância focal da lente (quanto mais longa menos a profundidade foco). Em segundo lugar a distância que o fotógrafo está de seu objeto (quanto mais perto, menor a profundidade foco). E em terceiro, e último, lugar o f stop! Se tenho uma lente 24mm com f stop 1.4 será dificílimo produzir um bokhe decente. Terei que me aproximar MUITO do objeto! O f stop é a menos efetiva das variáveis. Por outro lado, minha 200mm f4 produz com muita facilidade, e mesmo com distâncias maiores do que se estivesse usando lentes mais rápidas porém mais curtas, bokhes excelentes…”

De fato, o parágrafo acima ficou simplificado DEMAIS pra explicar as variáveis de um desfoque, ou de um bokeh. Obrigado Gabriel!]

“Tá… mas agora fiquei com mais dúvidas do que respostas!”. Eu sei. É que o tema de abertura de lente é muito extenso mesmo, e daria pra fazer posts e mais posts. De repente eu até faço, dia desses, mas esse post aqui é só pra você entender que bokeh é um embaçado bonitinho, e que você pode tentar fazer, mesmo com sua câmera de filme. Um passo de cada vez, pra não fazer desse blog mais um site cheio de informações confusas e complicadas, concorda? ;-)

I create roots on you

Foco no pé, resto fora de foco.

Mas é claro que “tamos aê” pra ajudar. Esse artigo da Wikipedia é um bom começo pra quem quiser ir além do que falamos aqui. Leia ele, e depois leia os posts recomendados no final dele, e jajá você vai ter mais respostas do que perguntas.

[Update de 08/02/12: A leitora Jenifer Ricken me lembrou do importante (talvez não importante, mas sem dúvida polêmico) debate sobre a diferença entre Bokeh e DoF (Depth of Focus, ou Profundidade de Campo Focal). A minha opinião está aí em cima, e é a de que a fototem Bokeh se tiver elementos em desfoque que agreguem e acrescentem à foto. Mas essa não é a opinião de muita gente de respeito, e alguns acreditam inclusive que só há bokeh se houverem círculos de luz compondo o campo de desfoque. Alguns até chamam esses círculos de luz de bokeh (ou seja, a luz fora de foco seria o bokeh, e não todo o campo fora de foco).

Como sempre, respeito todas as opiniões, e não acho que exista uma resposta certa. Talvez a única pessoa que saiba seja o tal japonês que, um dia, resolveu pegar uma determinada foto, e chamar determinada característica dela de Bokeh. Mas como daria um certo trabalho pra achar esse cara, vamos deixar pra lá, e vamos ter cada um nossas opiniões, e ser felizes.

Pra finalizar, aqui está o link de um post bem legal que a Jenifer sugeriu, e aqui outro que achei que também mostra o Bokeh como sendo a presença dos circulos de luz.]

Já o video abaixo é meio grandinho, mas traz um bom papo sobre Bokeh… vale à pena!


No mais, alguma dúvida especícifica?

Abs!

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 
  • Larissa
    15/03/2013 em 5:42 pm

    Acho lindo esses tipos de foto e tento fazer umas fotos usando o macro… mas agora percebi que a minha camera tem abertura máxima só até f/4 :( é preciso mudar de lente pra conseguir uma abertura maior? Obrigada!

    Responder

    • 16/03/2013 em 7:24 am

      Sim e não, Larissa. Se você mudar, vai ajudar. Mas você pode tentar também trabalhar com outra variável de uma profundidade de campo: distância da lente (quanto mais perto o objeto fotografado estiver da lente, mais raso o DoF)…

      Responder

  • Gilberto
    24/08/2012 em 10:23 pm

    Gostei do texto! Valeu!

    Responder

  • SamuelPaz
    07/02/2012 em 7:24 am

    Linda foto Gabriel.
    Se não fosse o título eu não teria conseguido ver os óculos.
    Gosto muito de abstratismo, apesar de não ser criativo a ponto de fazer um que preste.

    Responder

    • 07/02/2012 em 1:53 pm

      Opa , foi bem legal tira-la até pq tava no foco manual e eu como pode pensar estava sem óculos(uso em torno de 4-5 graus nos zoio haushaushasuh) mas acabei dando foco… Agradeço !

      Responder

  • Natalia
    06/02/2012 em 11:37 pm

    Olá, André!!! Achei mto interessante o post, gosto mto do seu blog!!!
    Agora… sei que foge do assunto, mas queria tirar uma dúvida: Tenho uma aquapix, comprei um filme e pedi pro moço do laboratório colocar o filme pra mim (ainda não tenho prática com filmes) até aí tudo bem… Mas qndo cheguei em casa, acabei apertando um botãozinho que tem em baixo dela, li no manual e pelo que entendi faz parte de um processo de rebobinar o filme, só que ainda não usei o filme… e a câmera não bate foto. Vc sabe me dizer o que fazer?? Help!

    Responder

    • 07/02/2012 em 10:10 am

      Oi Natalia!

      Olha, sem problemas matar suas duvidas por aqui. Mas se preferir me mande um email depois, tá? blogqueimandofilme@gmail.com

      De qualquer forma, a solução pro seu problema me parece simples. Esse botãozinho que você apertou fica travado nessa posição até que você abra a câmera. Então, basta que você abra a câmera, de leve (não precisa escancarar) em um local COMPLETAMENTE ESCURO (ou por exemplo colocando a câmera embaixo de toalhas ou cobertores, de modo que a c6amera fique no escuro completo) e depois a feche novamente, sem mexer em mais nada.

      Em teoria vai funcionar: o botão vai destravar e o filme vai voltar a rodar normalmente. Se não funcionar me avise que pedimos ajuda a a algumas pessoas que conheço que têm a Aquapix, ok?

      Bjs!

      Responder

Deixa aí seu comentário!