11comentários

A câmera SLR do ponto de vista de… um raio de luz (hã?)

por em 16/02/2012
 

Câmera SLR cortada ao meio. Clique na imagem pra ver melhor...

Continuando com nossa série de posts sobre SLR (se não leu o primeiro, clique aqui), vou te levar para um passeio por dentro da câmera. Mas preciso da sua ajuda agora, tá? Presta atenção: quero que limpe sua mente. Abstraia, imagine-se como….pense que é….tipo assim….um raio de luz (ui!) e venha comigo.

Estamos viajando na direção de um fotógrafo que se prepara para apertar o botão de disparo da câmera. Primeiro encontramos a lente, que basicamente é um tubo escuro com alguns pedaços de vidro, uns côncavos (como a parte de dentro da colher), outros convexos (como a parte de fora da colher). Alguns são até bicôncavos ou biconvexos (“bi” = dois, dos dois lados, saca?). Tem também um buraquinho chamado diafragma, mas não vamos perder tempo com isso, somos luzes e estamos sempre com pressa.

Depois de atravessar a lente damos de cara com um espelho. Putz! Que pena! O filme está logo ali, mas esse danado nos refletiu e fomos desviadas do caminho. Mas tudo bem…é por uma boa causa…isso evita a tal “paralaxe”, aquela diferença entre o que o cara vê no visor da câmera e o que vai sair de verdade na foto. Não entendeu? Dá uma clicada aqui que você entende.

Espelho sacana! Não se contentou em atrapalhar a viagem, ele nos inverteu! O que era direita virou esquerda, o que era “em cima” virou “em baixo”, o que será de nós agora, torcidas, desconjuntadas, reviradas?

Como o pentaprisma corrige a imagem invertida

Opa, peraí… Parece que a coisa tá melhorando. Chegamos a um tal “pentaprisma”. Ele se parece com um cristal lapidado, com cinco faces (daí o “penta” do nome). Toma um dramin aí (remédio contra enjoo) porque vamos ficar rebatendo de uma face a outra até ficarmos “endireitadas” ….POW!…Toim!…Ugh!….Pronto!. Direita agora é direita mesmo, esquerda é esquerda, etc. e tal.

Passamos por mais um vidrinho (o visor) e chegamos ao olho. “Olho? Mas a gente não ia para o filme?” Se liga mané! Bateu a cabeça forte demais no prisma??? Esqueceu do espelho? Bendito espelho! Nos refletiu. É por isso que essas câmeras se chamam “reflex”.

Luz entrando na lente

Mas não tem problema, somos luzes brasileiras e não desistimos nunca! Vamos incidir sobre essa câmera, entrar pela lente, refletir no espelho, ser endireitadas no pentaprisma, atravessar o visor e bater no olho desse fotografo metido à besta até ele apertar o botão.

Quando ele fizer isso, o obturador (engenhoca interessante) vai levantar o espelho e abrir uma abertura (dãã) que fica coberta pela cortina. Conheço bem a cortina. Ela protege o filme contra nós, luzes.

Ei, ei, ei! Ele apertou! Apertou o botão. O espelho saiu do caminho, a cortina se abriu….Estou vendo o filme, você também vê? Hora de fazer nossa mágica!

Finalmente atingimos o filme. Com nossas cores e formas, reagimos com a química da película. Sais de prata queimam e gravam fundo no plástico aquela que, futuramente, será vista, analisada, admirada: a foto! (cara de orgasmo).

PS.: preciso ligar para a Alice e pedir mais desses cogumelos….que maravilha!

Esqueminha legal:

Partes de uma câmera SLR

1 – Lente

2 – “Pedaços de vidro” (componentes ópticos, para os mais cri-cris)

3 – Diafragma

4 – Obturador

5 – Filme

6 – “Ferrinho” para prender a alça

7 – Botão disparador (mas a ilustração está errada. Deveria apontar para essa “bolinha” logo acima do obturador….Sorry)

8 – “Rodinha” para controlar abertura do diafragma e velocidade do obturador (cenas dos próximos capítulos)

9 – Display (presente em câmeras mais modernas, mostra informações como número de poses, ISO, forma de medição de luz e outras coisas que a gente só vai ver lá pra frente)

10 – Visor

11 – Sapata do flash (esse verdinho logo abaixo é pentaprisma)

12 – Anel de foco ou de zoom. Depende do modelo da lente.

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 

Deixa aí seu comentário!