7comentários

Montando um laboratório de revelação em casa – Parte 3 de sei lá quantas…

por em 09/03/2012
 

... só mais uma imagem que achei no Google. Pia feia pra cacete, né?

Então tá. Continuando a saga do laboratório caseiro (partes 1 e 2 aqui e aqui), depois de quebrar a cara em lojas online brasileiras e lojas físicas do centro de São Paulo, resolvi apelar pras vantagens do mundo globalizado e fuçar lojas virtuais “nos estrangeiros”… Vejam como foi: 1. B&H PHOTO: Bom, falou fotografia, falou B&H, né? Todo mundo que fotografa a algum tempinho sabe que essa megaloja de Nova Iorque é o paraíso da fotografia… digital. Mas e analógica? Os caras estão no mercado a muito tempo, e certamente mandam na parada desde os tempos em que fotografia era sinônimo de analógica. Mas será que ainda tem bastante coisa hoje em dia? Seria perfeito… afinal, não só eles entregam no Brasil, como têm até um site em português, atendimento telefônico em português (0800-8915877), e catálogo impresso em português! A busca foi meio brochante. Achei pencas e pencas de links sobre material pra laboratório, mas muita coisa pra labs profissionais. Tanques enooormes, e mesmo os poucos pequenos que eles têm estão mais caros do que na concorrência (ver abaixo). O mesmo com sacos pretos, copos de medida… Resultado, deixei a B&H pras minhas compras digitais. 2. ADORAMA:Depois da B&H, a ADORAMA é a maior e mais conhecida loja de fotografia do mundo (que eu saiba). Os caras na verdade são tão fodas quanto a B&H, e muitos fotógrafos os consideram melhores do que a outra. O lance é que, como a B&H tem um atendimento todo especial pra brasileiros, são bem mais conhecidos, e adorados, por essas bandas. Mas enfim, os caras têm o que precisamos? Até tem… e os preços não são dos piores. Mas o que acaba com a brincadeira é que eles não entregam no Brasil. Aí não dá, né? #fail. 3. Freestyle: Foi a primeira que procurei, porque sabia que lá eles vendiam montes de coisas analógicas. Apesar de ter o site mais feio do mundo das lojas virtuais, os caras não são amadores. São os representantes oficiais da Holga nos EUA, têm uma megaloja em Los Angeles, possuem uma área do site totalmente dedicada a ajudar professores de fotografia a dar aulas… Ou seja, são sérios. “Tá… mas porque você tá puxando tanto o saco desses caras?” Porque… cara… eles tem TUDO!! TUDO PRA MONTAR UM LAB, E COM ÓTIMOS PREÇOS!! :-D Fiquei horas (exagero… fiquei usn 40 minutos) fuçando a sessão de laboratório deles, item por item. Fiquei me sentindo um panaca por não ter pensado nisso antes, e um felizardo por ter encontrado isso a tempo de montar um lab. Os caras entregam no Brasil (a melhor opção de frete custa uns US$18,00 e leva 45 dias pra chegar, via FedEx), os preços são bons, e aceitam vários cartões de crédito internacionais. “Ué, mas se foi a primeira que você olhou, porque ela é a última da lista?” Porque foi aqui que eu comecei, e foi aqui que eu terminei. Comprei na Freestyle mais algumas coisinhas (veja a lista aí embaixo), e finalmente meu lab tá próximo de nascer… quero dizer… daqui a 45 dias, né? ;-) Vamos então bater a lista, pra ver como tá:

  • Tanque de revelação -> Comprado na Consigo (loja física) por R$70,00. Caro. Só comprei porque era o último.
  • Espiral 135 -> Comprei duas na Freestyle! Pra revelar dois filmes ao mesmo tempo ;-) R$60,00 as duas.
  • Espiral 120 -> Comprado na Consigo  (loja física) por R$25,00. Caro. Só comprei porque era o último.
  • 3 garrafas para químicos 
  • Jarra medidora de 2 litros 
  • Termômetro
  • Funil comum
  • Saca-filmes -> já tinha em casa, comprado em outra ida à Consigo.
  • Saco preto -> Comprado na Freestyle. R$65,00
  • Timer -> vou usar um dos vários aplicativos pra celular que cronometram tempo…
  • Saco de fixador em pó 
  • Saco de revelador 
  • Solução umectante

Bom, por enquanto é só… agora é esperar a encomenda chegar, né? Mas se, nesse meio tempo, eu achar mais alguma coisa, eu posto o capítulo 4 dessa novela!

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 
  • Thomaz Frias
    20/03/2012 em 9:51 pm

    Assim como o Douglas falou, é recomendado passar o filme na solução com sulfito de sódio antes de passar na solução de Photo-flo, para ajudar na remoção da prata não revelada.
    Recomendo para leitura o livro “Revelaçao em preto e branco” do Millard Schisler. É um ótimo livro, tanto para leitura corrida como para consulta, e ele dá ótimas dicas de como montar seu Laboratório, preparar os químicos, etc.

    Responder

  • 11/03/2012 em 11:07 am

    Pô Renato! Então a culpa agora é minha? Hahaha!

    Se servir de consolo, saiba que gastei 153 dólares…hehehe!!

    Abs!

    Responder

  • 11/03/2012 em 12:32 am

    Não mande link de sites de bugingas fotográficas, não consigo me controlar. Acabei de gastar 140 dólares na freestyle, comprei os quimicos de lá tbm (arista). Agora é só esperar os 45 dias :D

    Responder

  • 09/03/2012 em 1:32 pm

    Oi Douglas! Ótimas dicas! Confesso que como bom capricorniano, primeiro farei as coisas “by the book”, e depois, com o tempo, vou experimentando.

    Primeiro aprendo a fazer o omelete, e depois mudo a receita do omelete ;-)

    Abraços!

    Responder

  • 09/03/2012 em 1:28 pm

    O q seria essa solução umectante? O bom e velho kodak photoflo?
    Se for, eu sei de um substituto baratinho. Dilua uma gota de secante líquido para máquinas de lavar louça em 500ml de água. Aí vc faz o último “banho” do filme nessa água, por uns 30 segundos, sem agitar. Eu uso essa receita há anos. Pode confiar.
    http://www.varanda.com.br/secante-liquido-para-maquina-de-lavar-louca-sun-100ml-secador.html

    Costumo usar também o sulfito de sódio diluído, durante o processo de lavagem do filme, pra remover a prata não revelada (é o q os americanos chamam de hypo cleaner). Ele é encontrado em lojas de produtos químicos. Mas ultimamente tá ficando difícil de achar.

    Responder

Deixa aí seu comentário!