6comentários

Revistas legais: Black + White Photography

por em 17/03/2012
 

Nunca comprei, sempre te amei...

Sabe aquelas revistas que você é louco pra colecionar, mas o valor do câmbio te impede? Pois é, a inglesa A B+W é uma dessas. Tem a finura de uma Veja, ou de uma IstoÉ, mas custa o preço de um livro (aproximadamente R$40,00), apesar de o preço de capa ser de 3 libras (o que daria uns R$10,00 em valores de hoje!).

Toda vez que vou numa livraria ou banca onde é possível encontrá-la à venda, fico babando, folheando e, se possível, leio o máximo possível até ser expulso pelos seguranças ir embora.

Essa, que eu saiba, é a única revista, impressa em papel (online deve ter pencas) dedicada exclusivamente à fotografia preto e branco, com foco na fotografia, e não em equipamentos. Ela, como todas hoje em dia, fala principalmente de digital, mas tem algumas boas coisas sobre analógico sim (outro dia tinha uma matéria sobre a loja da Lomography em Londres). E, como a maioria das matérias é conceitual, serve tanto pra digital quanto pra analógico.

Além disso, é uma revista inglesa. Ou seja, a linguagem é muito mais calma, educativa, profunda do que das revistas americanas, que possuem foco em falar o máximo de coisas o mais rapidamente possível. Os ingleses, nessa e em outras revistas, entram nos temas de uma forma mais completa, sem com isso escreverem artigos tediosos ou cansativos. Se você nunca leu uma revista inglesa, vale começar por essa :-)

Sinceramente não sei onde você pode encontrar ela em sua cidade. Em SP eu já vi na Livraria Cultura (em várias delas), e é possível que em livrarias que tenham revistas importadas você as encontre.

Online você pode comprar ou assinar nesse site oficial deles (não encontrei nenhuma revenda oficial no Brasil… sorry), e… GOOD NEWS!  Você também pode assinar uma versão digital, pra troços da Apple ou pra troços com Android. Na boa? Se eu tivesse iPad, essa eu assinava, cou comprava uma pra ver como é, com certeza.

Enquanto isso, se estiverem em SP, e passarem pela Livraria Cultura do Conjunto Nacional (na Av. Paulista), procurem por um cara com barba mal feita sentado no café. Se ele estiver com uma B+W nas mãos, devo ser eu colocando a leitura em dia… ;-)

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 

Deixa aí seu comentário!