9comentários

“Lembre-se do Ovo”: Um exercício pra te ensinar a ver a luz…

por em 13/04/2012
 

O ovo… o ovo… lembre-se do ovo…

Não, esse não é um post religioso, e ninguém aqui vai tentar fazer você ver a luz divina. A gente tá aqui pra ver a luz mundana mesmo.

Convenhamos. Em um mundo analógico, em que não dá pra ficar tirando foto e vendo na telinha da câmera como ficou, pra em seguida tirar “a boa”, a gente tem mais é que dominar os conceitos básicos, não só de luz, mas todos os que usamos no dia-a-dia no nosso hobby, pra não ficar queimando gastando filme sem necessidade, né?

É o seguinte. O fotógrafo Joel Edelman (que, ironicamente, tem uma PUTA cara de ovo :-) criou toda uma historinha, na qual ensina as pessoas a usarem um ovo pra visualizarem as várias opções de iluminação de um rosto humano (novamente, ele tem tanta cara de ovo, que deve ter tido essa idéia enquanto se olhava no espelho).

A técnica é simples, e o video mostra com clareza, mesmo pra quem não sabe inglês: pegue um ovo e um foco de luz (um abajur, por exemplo. Depois, desenhe um rosto no ovo, e circunde o ovo com a luz. Observe todas as diferenças causadas pelo movimento da luz: textura, expressão, dramaticidade… e imagine essas variações de luz em um rosto.

Mas eu iria além. Depois que você aprende a “ver” a luz em um ovo/rosto, você vai ter mais facilidade em vê-la em qualquer coisa/lugar. Rua, plantas, gatinhos, bebês, prédios, florestas… simplesmente você passa a entender melhor a influência das fontes de luz naquele ovo cenário.

E, olha, ele está certo no que diz no final do video: não basta ver o video: levante o traseiro da cadeira, vá na cozinha e pegue um ovo pra fazer a experiência você mesmo. Se não você não vai, de fato, absorver a parada).

Agora chega de enrolação. Vamos ao video. Aliás, o video chama-se “lembre-se do ovo”. E, cá entre nós, depois de fazer a experiência do ovo, você nunca mais vai se esquecer do ovo… :-)

Fala sério… ele não tem cara de ovo?

 

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 

Deixa aí seu comentário!