10comentários

Uma Rangefinder por dentro: uma obra de arte.

por em 10/06/2012
 

Nesse domingo eu trago pra vocês uma experiência que poucos têm: ver uma câmera por dentro, funcionando. Ou seja, não é um desenho, uma foto, um esquema de uma câmera, nem é a foto dos restos de uma câmera que caiu no chão. É o video (curtiiinho) de alguns técnicos revisando uma Rangefinders Olympus 35 RD (muito parecida com a minha querida e amada Olympus 35 SP).

Nem precisa entender de mecânica pra entender… a mecânica da coisa. Eles mostram várias partes da câmera funcionando., e dá pra ver que se parece muito com um relógio antigo: tudo mecânico, cheio de engrenagens e parafusos delicadamente encaixados em sintonia, sem chips, trocentos fios coloridos ou motores eletrônicos.

Não sei quanto a vocês, mas quando eu vejo isso, fico imaginando essas câmeras sendo construidas manualmente, por técnicos velhinhos com lupas gigantes na frente dos olhos, com um carinho absurdo e uma paciência invejável e rara nos dias de hoje, em que a Canon anuncia, com um estranho orgulho, que passará a produzir câmeras sem intromissão ou participação de seres humanos

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 

Deixa aí seu comentário!