8comentários

Na Sua Bolsa #1: Andrea Xavier

por em 14/07/2012
 

E a série começa com aquela que foi a primeira a escrever pra gente contando como é a bagunça o que ela leva na bolsa quando sai por aí pra fotografar. Vamos dar uma fuçada na bolsa dela.

Olá! Meu nome é Andrea Xavier e é isto que eu carrego na minha bolsa no dia a dia, com algumas poucas alterações.

A câmera Color Splash estou usando no projeto “Preencher o oco do coração com prato de macarrão”, onde fotografo os pratos de comidas após comê-los e portanto está sempre comigo. Uma câmera pinhole, relógio e um cartão com as indicações de tempo de exposição e uma outra câmera qualquer que eu decida levar antes de sair de casa (e dependendo das condições do tempo).

A câmera pinhole é feita de pacote de filme, neste caso, pacote de 5 filmes Pro Image ISO 100 e fita silver tape, que aprendi num tutorial do site da Lomography (as fotos ainda não revelei).

A história de fotografar com as caixinhas começou porque eu fazia pinhole usando a minha SLR (Pentax Spotimatic F) com uma adaptação na saída da lente com um disquinho feito de latinha de alumínio. Acontece que eu moro em frente a praia (Praia Grande, SP) e cada vez que eu saía com a câmera, que chama um pouquinho de atenção pelo tamanho, sempre era abordada por alguém pedindo pra eu guardar a câmera por que ali tinha risco de assalto. Nem é tão violento assim, mas daí resolvi desisti da SLR e construir minhas câmeras pinhole feitas de caixinha e fotografar sem ser importunada, afinal o que eu queria era fotografar com pinhole em filme 135 e acho que construir a própria câmera dá uma certo charme. Carrego sempre uma comigo pra onde eu vou, pois gosto deste momento da fotografia lenta e sem compromisso que a pinhole proporciona. Por hábito sempre tento chegar aos meus compromissos um pouco mais cedo para pode fotografar o restaurante, a sala de espera ou a rua onde estou.

Não costumo carregar filmes no dia a dia, exceto se o filme de alguma delas esteja já no fim. Sou fã do Pro Image ISO 100 da Kodak, gosto de filmes mais lentos para tudo. Sou a louca do modo BULB. Hehehe

Carrego comigo também um caderno de anotações e várias canetas. No caderninho, além de desenhos, (e eu desenho muito) anoto tudo sobre fotografia que eu acho importante, minhas percepções sobre as fotografias que faço e dos filmes que estou usando, dicas de câmeras que pretendo comprar e lugares para revelar e não revelar os filmes. Sempre anoto a lista de filmes que estão em uso e em qual câmera ela está. Este da foto já é o meu segundo caderninho e é incrível como sempre tem algo sobre fotografia para anotar.

Ah! e a bolsinha de make-up porque sou uma menininha, né?

E você? Já mandou pra gente o que carrega Na Sua Bolsa?

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 
  • 25/07/2012 em 9:44 am

    Ah… desde que li o post sobre as bolsas eu estou me enrolando pra mandar a minha…
    Na verdade a minha bolsa está longe de ser elaborada como essa…

    Mas eu queria mostrar também…
    Quem sabe hoje a noite eu finalmente tire as fotos e envie… =)

    Responder

  • Bianca Carvalho
    17/07/2012 em 5:05 pm

    Eu queria ver o projeto do macarrão!!! buáaaa
    Será que ela posta aqui depois?
    Legal ver a bolsa das pessoas, hehehe!

    Responder

  • 17/07/2012 em 4:23 pm

    ah que bacana, acho que vou mandar o que carrego na minha mochila também hahaha

    Responder

  • 16/07/2012 em 10:52 pm

    Opa Émerson! A sua vai aparecer aqui sim, assim como tantas outras que já chegaram! Só não vou dizer quando pra não estragar a surpresa :=P

    Responder

  • 15/07/2012 em 1:26 pm

    hehe, adorei! achei bem fofinho. também sou louca pra fazer minha pinhole, vou dar uma olhada nesse tutorial (:

    Responder

  • 14/07/2012 em 9:32 pm

    eu já mandei o meu texto, mas se for em ordem de envio deve demorar pra sair (isso de sair, ehehehe). eu tenho a pentax citada no texto, felizmente onde moro (no interior do interior) meu único risco é as pessoas não saberem o que eu tenho em mãos, o que dá mais segurança. usei meu primeiro pro image 100 há alguns dias, mas confesso que fiquei bastante decepcionado com o resultado, esperava um grão mais fino e achei as cores muito quentes (característica da kodak), por isso prefiro filmes fuji, mas que são dificílimos de se achar por aqui. acho que vou colocar um filtro azul para o próximo pro image que tenho para queimar.
    bom, achei bem interessante esse tema do post, espero que venham novas mochilas para bisbilhotarmos :D

    Responder

Deixa aí seu comentário!