1comentário

Na Sua Bolsa #10: Eduardo Andrade

por em 15/09/2012
 

Mais um sábado, mais um “Na Sua Bolsa”! Hoje com Eduardo Andrade e suas duas filhas gêmeas SLRs Nikon F100. Fala Eduardo!

Olá! Meu nome é Eduardo Andrade, sou estudante de Administração e moro em Curitiba/PR. Sou fotógrafo profissional (crianças, bebês, gestantes e famílias), mas também amo a fotografia como um hobby.

Hoje vou mostrar um pouco do que vai dentro da minha bolsa (ou melhor, mochila) quando saio para fotografar com filme… Eu digo “um pouco” porque sou apaixonado por fotografia analógica, e tenho um certo “vício” por câmeras 35mm. Já tive muitas câmeras desde a adolescência, entre elas uma Olympus Trip 35 que caiu no mar e virou lixo (buááá…) e umas 2 Yashica que também viraram lixo de tanto que eu usei elas, mas o que tenho atualmente é composto por: 2 Nikon F100, 1 Nikon F65, 1 Canon Elan 7 e 1 Canon Prima. De todas elas, as que eu mais uso são as minhas F100. E as que eu menos uso são a Nikon F65 e a Canon Prima. A Canon Elan 7 fica no meio-termo.

Eu gosto muito de fotografar com filme, mas também gosto de alta tecnologia, e esse é o motivo pelo qual todas as minhas câmeras analógicas são, relativamente, bem moderninhas. As minhas preferidas são as Nikons F100, porque são muito resistentes, me permitem ter controle total da foto, são extremamente precisas e produzem imagens que fazem a maioria das SLR digitais atuais ficar com vergonha… Por isso, quando eu saio p/ fazer um passeio fotográfico, sempre levo as duas F100, uma delas com uma lente zoom (Nikkor 28-80 AF G), e a outra com uma 50mm AF-S 1.8G (para fazer bokehs). Levo também um flash Nikon SB-800 (que não saiu na foto).

Algumas coisinhas que também sempre carrego na mochila: agenda pequena, caneta, remédio para dor, perfume e um “kit beleza” para as meninas (porque elas nunca se lembram de levar!!) composto por uma mini-escova de cabelos com espelho e um batom.

Eu também tenho uma bolsinha menor, que cabe apenas uma câmera com a lente. Essa bolsinha eu uso quando vou em algum evento como convidado, ou então para passeios com a família. Nessas ocasiões, a câmera que vai na bolsinha em 99% das vezes é a Canon Elan 7, por ter flash pop-up embutido e porque o som da cortina/obturador dela é muito discreto. A lente que costumo usar na Elan 7 é uma EF 50mm 1.8 II.

Eu queimo uma média de 3 filmes (de 36 poses) por mês, entre coloridos e P&B, e meus filmes prediletos são o Fuji Superia 400 (colorido, é um filme barato e que produz excelentes cores, balanço de brancos e contraste) e o Ilford HP-5 400 (P&B).

Mas apesar de eu gostar muito do meu set de câmeras de filme, ainda tenho 2 sonhos a realizar: adquirir uma Nikon F6 (considerada a melhor câmera de filme do mundo) e uma Leica R8. Para mim, vai ser como tirar uma Ferrari e uma Maserati da loja… 

Valeu Eduardo! ;-)

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

Deixa aí seu comentário!