7comentários

Na Sua Bolsa #12: Marina Faria

por em 29/09/2012
 

Hoje eu tenho o prazer de trazer o Na Sua Bolsa de uma ex- aluna e conhecida “lomógrafa”, a Marina Faria. Rata de praia assumida, tá sempre bombando no Tumblr e no Facebook com suas fotos cheias de cores e com clima de férias no Havaí ;-)

Olá! Meu nome é Marina e comecei a fotografar com filme em 2009 quando descobri as câmeras da Lomography. Como grande parte das minhas fotos são feitas na praia, resolvi escrever sobre o que você provavelmente encontraria na minha mochila num dia de praia.

Para escolher que câmera levar comigo, levo em consideração o tempo (se está sol ou nublado), com que filme a câmera está carregada e as minhas intenções de fotos naquele dia.

E voilá:

Óculos escuros, protetor solar e labial, canga, carteira, caderno de anotações, a Diana Mini e Olympus Trip 35, filmes (geralmente slides, pra revelar em processo cruzado. me gusta mucho!), e se tiver onda também carrego parafina, shorts pra surfar, quilhas pra prancha e por fim a GoPro, câmera indispensável porque é muito prática e multi uso (ela filma e faz fotos, dá pra cair na água com ela, acoplar na prancha, etc).

Atualmente estou usando o filme Chrome XPRO 100, da Lomography, na Olympus Trip. Quando o filme terminar, vou enviar rebobinado para Barcelona, para um ‘film swap’ que tá pra rolar com uma fotógrafa portuguesa que reside lá.

Traduzindo todo o entusiasmo e amor que tenho pela fotografia analógica, criei um tumblr para compartilhar minhas fotos e, assim, levar um pouquinho de cor, de alegria e da brisa do mar para as pessoas. Foi assim que nasceu o Analog Love, que hoje tem também página no Facebook e está prestes a virar imãs de geladeira – e o que mais der na telha! :)

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 
  • Eduardo Andrade
    12/10/2012 em 12:52 am

    Pô, pelo jeito quase todo mundo aqui tem ou já teve uma Olympus Trip 35… Realmente, é uma câmera muito boa, compacta e estilosa. A única coisa que não me deixava muito satisfeito com a minha falecida Trip 35 (que caiu no mar, num momento de bobeira…) é o fato dela não poder ser usada em prioridade à abertura, motivo pelo qual acabei de adquirir minha mais nova rangefinder, uma Yashica Electro 35 GSN. É uma câmera maravilhosa, produz imagens incríveis (tão boas quanto as das minhas SLRs), é uma delícia manuseá-la, sentir o peso da “monstra” (quase 1kg de puro metal!), e ver a reação das pessoas quando enxergam aquela linda lente cromada brilhando ao sol…

    Responder

    • 12/10/2012 em 8:32 am

      Já tive algumas Electro nas mãos… são realmente lindas! Eu curto mais as que tem controles totalmente manuais, como a Canonet, a Olympus 35 SP ou a Minolta Hi-Matic… mas em termos de beleza – e qualidade – as Electro são top ;-)

      Responder

      • Eduardo Andrade
        12/10/2012 em 10:01 am

        Eu estou à procura de uma Canonet Ql17 G-III, mas as que encontrei até agora, ou estão muito detonadas, ou estão muito caras. Mas enquanto isso, resolvi suprir minha “neura” (rsrs, acho que estou doente, pelo menos é o que minha mulher deve achar…) com uma Canon AE-1 Program c/ lente 50mm 1.8, que comprei nessa semana.

        Responder

  • 30/09/2012 em 2:03 pm

    Muito bommm…
    Opa! Eu acho que conheço essa trip, rs.

    Responder

  • Mariana
    29/09/2012 em 4:27 pm

    Oi, aonde você revela as suas fotos?

    Responder

    • 01/10/2012 em 8:13 am

      Oi Mariana.
      Em São Paulo costumo revelar no Laboratório 337: http://www.337labfot.com.br/
      Ele não é dos mais baratos, mas faz um bom trabalho, inclusive “sabe como revelar” um filme chrome em processo cruzado – e tb nunca deram um vacilo comigo.
      Outro laboratório que muitos amigos usam, é o Capovilla.
      Mas uso outros laboratórios eventualmente e estou prestes a testar o Namartha, estou curiosa pra conhecer o trabalho deles! > https://www.facebook.com/namarthalab

      Responder

Deixa aí seu comentário!