7comentários

Dicas pra hora de caçar câmeras antigas #05 – Comprando pela Internet (de novo…)

por em 07/03/2013
 

Foto acima: por Alessandra Saraiva

A gente já publicou aqui (e aqui… e aqui) três posts de dicas pra hora de correr atrás de sua câmera usada. Esses três primeiros post falaram principalmente de dicas pra quando você for em feirinhas ou em lojas de antiguidades, e o Pedro Mori postou semana passada mesmo um quarto post falando sobre Internet. Mas eu queria pedir aqui a permissão de vocês pra ser repetitivo nesse post, e passar pra vocês as minhas dicas particulares de compra pela internet. Cá entre nós, é sempre bom comparar experiências diferentes e aprender com elas, né? ;-) Então vamos lá.

Pense nessas dicas como quesitos que, se preenchidos, diminuem a chance de sua compra dar problema. Quanto mais respostas positivas pras perguntas abaixo, menor o risco de você receber um lindo peso de papel vintage ao invés de uma câmera pronta pra usar.

– Conheça a câmera que você está paquerando: Eu gosto de chamar essa regra de “read the fuck’n manual”. Sim, leia o manual ANTES de comprar a câmera. Você pode encontrar muitos deles aqui. Se não, tente entrar no Google e pesquisar pelo nome da câmera mais a palavra “manual”. Depois de clicar em uns quinze a vinte links você vai achar o que procura.

Além disso, é essencial ler o máximo de reviews sobre elas, Já que você vai estar na frente do computador, também vale pesquisar pelo nome da câmera mais a palavra “review”, ou visitar seus site favorito re review, o Queimando Filme Camerapedia, que tem reviews técnicos sobre quase todas as câmeras que já procurei.

– Pesquise sobre a origem da câmera: Não, não é pra saber se ela foi fabricada na Russia ou na Alemanha. Pergunte pro vendedor de quem era essa câmera, porque ele quer vender, quantos donos ela já teve, se estava guardada a muito tempo, se ela passou anos bem guardada ou exposta ao tempo/clima… ou seja, não se intimide com o fato de estar conversando com o vendedor pela internet. Pergunte como se você tivesse acabado de conhecer o vendedor através de um amigo em comum.

– Pesquise o vendedor: Muita gente não sabe, mas tanto o eBay quanto o Mercado Livre têm um controle de qualidade dos vendedores, que se baseia nos feedbacks que eles receberam de pessoas que já compraram com eles.

No Mercado Livre, existe um “termômetro” chamado “Reputação do Vendedor” que fica logo abaixo do botão “Comprar”. Quando você clica, abre uma janelinha com a quantidade de vendas que ele já fez, e quantas foram qualificadas positivamente, quantas negativamente… mas não para por aí. Se você clicar em “Mais Detalhes do Vendedor” que aparece nessa janelinha, vai ver… todos os detalhes desse vendedor, e vai poder inclusive clicar em “Ver Produtos à Venda” e ver tudo que esse vendedor tá vendendo. Se ele tá vendendo várias coisas relacionadas à fotografia, já é um bom sinal…

No eBay é bem parecido. Basta você clicar no nome do vendedor na página do produto que você está olhando.

Além disso, tanto no eBay quanto no Mercado Livre, os vendedores que vendem muito e nunca recebem criticas negativas vão recebendo medalhinhas, selinhos e outros frufrus que demonstram que eles são vendedores de confiança, que já fizeram cem, mil vendas de sucesso… e isso é legal. Mostra que esses caras têm grandes chances de te atender bem.

– Veja/peça o máximo de fotos que você conseguir: Se você já conhece a câmera, ou se pesquisou bastante sobre ela, vai conseguir ver as fotos e avaliar se a câmera está realmente em bom estado. Porém, se o cara não tiver dezenas de fotos do produto, isso não quer dizer que o cara está de má fé com você. Pode simplesmente ser um cara que está vendendo a câmera do avô (em excelente estado), e não tirou, nem tem tempo de tirar, muitas fotos pra te mandar.

– Pergunte sobre detalhes técnicos da câmera: Pergunte se ele já usou a câmera, se o diafragma está funcionando, obturador, se está vazando luz, se passou por revisão recentemente. Pode ser que as respostas a todas essas perguntas sejam “não” ou “não sei”. Mas nem sempre isso é motivo pra desistir da compra. Afinal, se for o caso do cara vendendo a câmera do avô, como falei acima, vai fazer sentido ele não saber nada da câmera. Converse com paciência e educação, que você pode até conseguir que ele faça testes ou pergunte detalhes pro avô dele só pra você.

– Peça pra ver fotos feitas com a câmera: Essa é difícil. O vendedor só vai ter fotos feitas com a câmera se ele mesmo tiver sido o dono dela, ou se ele conhecer bem o antigo dono. Mesmo assim o vendedor pode sempre mentir sobre foto ter sido tirada com aquela câmera. Mas não custa pedir…

– Compare, compare e compare: Se você quer, por exemplo, uma Canon A-1, pesquise – usando as dicas aí de cima – todos os vendedores que estiverem anunciando essa câmera. Dá trabalho, mas vale à pena.

Enfim, é claro que existem mais outras infinitas dicas, mas acho que essas são boas pra quem tem aquele medo básico até de entrar no site do Mercado Livre.

E ai? Te ajudou? ;-)

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 
  • 01/08/2015 em 3:02 am

    Oi André! Tudo bem? Queria tirar uma dúvida. Vi você comentar do “eBay” ali em cima, e me disseram que não posso comprar “coisas usadas” no exterior (como câmeras antigas). Isso procede? Grato! :-)

    Responder

  • nina
    13/04/2014 em 8:00 pm

    gente,
    na olx tem como saber a qualificação do vendedor? tô pensando em arriscar numa olympus e a vendedora – de osasco – tá oferecendo 100. eu quero escrever e tirar dúvidas sobre funcionamento, porque só essa foto boa, da frente da câmera, não diz muito né… perder 100 e não ter a câmera vai ser f. e se eu for pra pagar e a câmera não funcionar, melhor pagar a de 30/50 no ML hahaha, perco metade pelo menos rsrs

    Responder

  • Isabel
    30/06/2013 em 11:43 pm

    Olá, recentemente compre uma Olympus Trip 35 pela internet, e além do contador estar estragado, o disparador trava muitas vezes (mesmo com boa luminosidade) e só destrava depois de ficar avançando muito a alavanca que passa o filme. Há como saber quantas voltas devo avançar a alavanca para passar apenas um quadro do filme?
    Desculpe se a pergunta parece idiota (talvez seja mesmo), mas não consegui achar essa informação na internet.
    Abraço.

    Responder

    • 01/07/2013 em 8:45 am

      Oi Isabel! Olha, o ideal seria você mandar sua câmera pra revisão. Essa pergunta sobre quantas voltas é necessário dar para passar apenas um quadro de filme é difícil de ser respondida porque, quando está funcionando corretamente, a Trip trava o mecanismo de avanço a cada novo quadro. Ou seja, não é, ou não seria possível, contar o número de voltas, entende?

      Responder

  • Eduardo
    07/03/2013 em 4:19 pm

    Já comprei algumas câmeras e/ou lentes no Mercado Livre de vendedores que juravam com os pés juntos que o produto estava perfeito, funcionando, sem fungos, etc., e o que eu constatei ao recebê-lo foi exatamente o contrário. E o pior de tudo, tinham boas qualificações como vendedores! Tem muito desesperado morto de fome por dinheiro fácil nesse ramo, é impossível acertar em todas as negociações, a maior certeza é que em alguma(as) um pilantra corrupto vai te enganar… E curiosamente, eu fui enganado na maior parte das vezes justamente por aqueles “especializados” que vendem apenas equipamentos fotográficos, ao passo que aquelas doces senhoras vendendo a câmera que foi da família nunca me deram problema.

    Responder

    • Danilo
      12/04/2013 em 10:56 pm

      Que tenso isso, acho que em relação à câmeras antigas é tudo muito mais complicado, pelo fato de serem antigas mesmo e poderem apresentar problema por causa do tempo, eu to namorando umas câmeras no ebay, especificamente a Oly OM-1 que quero comprar, vai ser a minha 1ª analógica, a única coisa é que não vi nem manual e nem resenhas dela, por ser muito respeitada no meio fotográfico, vamos ver, e também não sei nada de revelação e nem tenho estúdio caseiro, enfim, quero sentir como é fotografar com filme, não podendo ter tudo pronto na hora pra ver, ansioso hahah

      Responder

Deixa aí seu comentário!