4comentários

Aulinha de revisão: Abertura e Profundidade de Campo

por em 18/03/2013
 

De vez em quando vale à pena a gente voltar a temas já tratados, ou a questões básicas, não só pra relembrar, mas pra ajudar a galera iniciante. E gosto de fazer isso sempre que acho algum material que seja interessante. O de hoje eu encontrei no site Exposure Guide e não vou, apesar de usar a estrutura e as imagens do post deles, traduzir tudo na integra. Vou sim resumir e colocar os pontos principais, recomendando – como sempre – que quem quiser dê um pulo no post original pra ler tudo.

Então tá. Simbora? Simbora…

Eles começam o post com uma introdução que chama a atenção pra uma coisa importante em termos de uso da Profundidade de Campo: ela te ajuda a destacar o que você quer que seja o assunto principal da foto. É uma escolha estética, conceitual, que usa a profundidade de campo pra atingir um objetivo.


depth-of-field copy1. Profundidade de Campo (Depth of Field, ou DOF)

É, ou define, a zona na qual objetos pessoas e afins estão em foco na sua foto. Tudo entre o começo e o fim dessa área está em foco. Dentro dessa zona existe um ponto de  foco ótimo, que é onde o objeto, ou objetos estão mais nítidos. Essas zonas podem ser rasas ou fundas. O DoF é, ou pode ser determinado, por três fatores (e aqui o gráfico aí do lado vai te ajudar a entender melhor: abertura do diafragma, distância entre o objeto e a lente, e distância focal da lente.

aperture-from-both-sides copy2. Abertura do Diafragma (Aperture)

É o tamanho da abertura por onde a luz passa pra chegar no seu filme. Essa abertura é medida em f-stops, em uma lógica ótima pra confundir os novatos, onde quanto menor o número, maior a abertura.

 

 

apertures-effect-on-depth-of-field copy3. Abertura Pequena x Abertura Grande

Alterar a abertura do diafragma é a forma mais fácil, e mais usada, pra se alterar a profundidade de campo. Quanto mais você abre o diafragma, menor a profundidade. Quanto mais você fecha, maior a profundidade.

 

 

aperture-range

 

4. Distância Focal

Identifica o tamanho da abertura. São os famosos f/1.4, f/2.8, f/3.5…. novamente, quanto menor esse valor, maior o tamanho do buraco da abertura por onde a luz passa pra chegar no seu filme.

5. Distância da Lente

É o seguinte: quanto mais perto a sua zona de foco, a tal da área de profundidade de campo, estiver de você da lente da sua câmera, mais raso ele vai ser, considerando-se as mesmas configurações da câmera/lente (alterando-se só o foco, é claro :-)… O que significa que se você focalizar o seu gato bem de pertinho a profundidade de campo vai ser mais rasa do que se você focalizar ele mais de longinho… tipo isso.

E ai? Ajudou? Entendeu tudo? ;-)

Post original: Focusing Basics | Aperture and Depth of Field.

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 
  • Rafael
    02/04/2013 em 9:54 pm

    Fico olhando Barry Lyndon por horas, estou maravilhado com o filme (até por que sou um fã de Kubrick), e imaginando o trabalho que a Carl Zeiss Plannar 50mm F0.7 dava. Os atores deviam ficar quase paralizados pra não sair do campo de profundidade.

    Responder

  • 18/03/2013 em 12:33 pm

    André, fiquei confuso agora. A distância focal não é a distância em milímetros da lente até o sensor/filme?

    Responder

Deixa aí seu comentário!