4comentários

Desenhando no negativo antes de fazer as fotos

por em 16/08/2013
 

Um dia estava sem ter o que fazer, e comecei a vasculhar artigos sobre alterações na película de filmes fotográficos. Além de artigos sobre os filmes da RevoLog inclusive um publicado aqui no Queimando Filme, achei um artigo no site da Lomography que falava sobre desenhar no negativo antes de fotografar.

A técnica é a seguinte, coloque o filme dentro de um saco preto ou vá para um lugar totalmente escuro, mas tem que ser escuro mesmo! O passo seguinte é pegar uma caneta marcador permanente, puxar o filme da bobina com cuidado e deixar a imaginação a caneta correr solta. Se tiver um pouco mais de habilidade, pode fazer desenhos mais bacanas ou até mesmo escrever. Lembre-se que está totalmente escuro e o controle sobre o desenho não é tão preciso.

Achei a ideia simples e super fácil de executar, mas na empolgação não me atentei a um detalhe: qual era o lado do negativo teria o melhor resultado. Desenhei dos dois lados do negativo, mas quando revelei o filme, ficou impossível de determinar se eu tinha desenhado do lado da emulsão ou do lado brilhante do negativo.  :-(

O resultado não podia ser melhor, achei que deu todo um charme pras minhas fotos. Dá uma olhada aí:

Eu usei a minha Pentax Spotmatic F com filme Lomography Redscale XR 50-200 e caneta marcador permanente na cor vermelha. Simplesmente não consigo dizer se o lado foi desenhado em cada um. O lado que mais gostei foi o das duas últimas fotos, porque parecem mais com luz do que com caneta. Mas como repetir o efeito? Como chegar ao resultado que gostei? Ora meus caros leitores, simples! Repeti o experimento, né?

Só que desta vez eu separei dois rolos de filme para comparar: Fuji Superia ISO100 de 12 poses. Usei a mesma câmera, mas a caneta marcador permanente foi preta (a caneta vermelha eu perdi. mimimi)

Saca a diferença! As fotos com o negativo desenhado na emulsão ficaram com a marca da caneta mais evidente. Bem parecido com as duas primeiras fotos que eu poste acima. As fotos com negativo desenhado na parte brilhante ficaram com o efeito que parece desenhado com luz que eu queria no início. E o mistério foi desvendado!

img013

Negativo desenhado na emulsão

img011

Negativo desenhado na emulsão.

img012

Negativo desenhado na parte brilhante.

img010

Negativo desenhado na parte brilhante.

E aí, já tentou alguma coisa do tipo? Deu certo ou errado? Conta pra gente!




Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 

Deixa aí seu comentário!