3comentários

Primeira experiência com uma Polaroid Land Camera

por em 04/09/2013
 

Hoje é dia de estreia de colaborador no QF! Pedro Costa Neves, conhecido como “@Persocon” no Twitter, frequentador assíduo de FilmePalooza, e dono de um projeto fotográfico bem interessante, inicia seus trabalhos no QF falando sobre sua mais nova aquisição, uma Polaroid Land. Fala Pedro!

Alou! Estive usando pela primeira vez uma câmera Polaroid Land Camera 104, e achei que seria legal compartilhar com vocês a experiência.

Esse modelo em particular tem lentes de plástico, mas nem todas as Land são assim. E daí você me pergunta: qual o problema dela ter lentes de plástico? Bom, lentes de plástico significam contraste estranho nas fotos. E, se você tirar fotos no sol, prováveis Light Flares (aquelas bolas de luz que aparecem as vezes nas fotos) irão surgir.

E sobre as configurações? Ok, vamos lá: ela é bem amarradona. Não dá pra você escolher muito além de “Colour” ou “B&W” (Black & White) na parte superior da câmera. Em Colour, ela está configurada para filmes ISO 100, e em B&W para filmes ISO 3000. Isso também afeta a abertura dela. sendo assim, em Colour a abertura fica em f/8.8 e em B&W f/42.

O fotômetro dela é automático e utiliza o famoso eletric eye presente em várias Polaroids (aliás, é provável que o da minha esteja um pouco desgastado por ser antiga); além desses controles, você pode apenas escolher a “claridade” das fotos, entre mais escuro ou mais claro. Simples assim.

Essa é a famosa Landy baixo orçamento. :). Não estou desmerecendo a câmera, veja bem. existem inúmeros fotógrafos famosos por aí que fotografam com essas baixo orçamento com lentes de plástico.

Mas você encontra no mercado umas com lentes de vidro, com mais opções de configurações de ISO (apesar de que só existem filmes ISO 100 e ISO 3000 para ela atualmente), diferentes tipos de Range Finder para focar nos objetos, algumas até com corpo de metal.

Bom, voltando a Landy 104, como foi minha primeira vez com essa criança, me ferrei e queimei a maior parte das fotos até entender que ela funciona melhor com muuuuuuuita luz.

01-foto-escurona

Sim, mesmo pra um filme ISO 3000 como o Fuji FP-3000b que usei. Estranho né? Mas é por conta da abertura; quando você escolhe a opção B&W pra usar esse FP-3000b ele fecha a f/42!. Ainda não testei com filme colorido, isso ficará para uma próxima experiência ;).

Ok, percebendo que as fotos estavam escuras, virei o seletor de luminosidade pra a opção mais clara em busca de uma foto melhor. Como cenário, usei a cozinha, com aquelas lâmpadas frias gigantes e que iluminam o mundo. Nesse caso (foto abaixo) errei o foco, porque não considerei o pouco espaço e tals. Aliás, outro problema dela é que a distância mínima parece ser de 3 pés e pouco,  o que dá mais ou menos 1 metro. Ou seja, nada de fotos muito de perto.

02-foto-com-foco-ruim]

Enfim, como tenho mania de testar toda câmera que compro com flash externo, fiz isso com a Land. Essa foto abaixo foi a experiência que fiz após perceber que nenhuma foto saía boa apenas com luz ambiente.

03-ana-e-tino

Experiência bem sucedida! Porém, o flash tem que estar em potência total (se seu flash tem seletor de potência, claro), senão a foto acaba saindo escura ainda…

04-cony-sozinha

Tá, pra você usar um flash nela será necessário que:

1. Seu flash tenha entrada PC-Sync ou você use um adaptador (Hotshoe PC-Sync Adapter);

2. Você possua um cabo de sincronismo PC-Sync nas duas extremidades;

3. Ou você seja um sortudo e tenha um desses flash originais dela;

Bom. Pra terminar, minhas considerações finais:

1. Boa câmera, mesmo com lente de plástico, valeu os 39 dólares que paguei :);
2. Filme um pouco caro, mesmo importando;
3. Lindas fotos, contraste lindo;
4. Recomendo no lugar das Polaroids normais com todo amor possível!
5. Se você tiver um cartão de crédito com limite maior, considere comprar uma versão com lente de vidro;
6. Considere fazer a conversão para uma lente toda manual. Essa dica fica para um próximo post, em breve ;)

 

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 
  • 24/11/2013 em 11:25 am

    Tenho uma Land 100 adaptada 100% pro modo manual me livrando de todos os males citados ai! Da pra controlar velocidade de obturador de Bulb ate 1/1000! A abertura tem as opcoes f/8.8 f/11 f/16 f/22 f/32 e f/45
    Linda camera! So usei filme colorido ate agora e gostei muito das fotos! Encomendei uns pacotes de filme P&B 3000 da polaroid mesmo, vencido ja ha algum tempo. Vamos ver no que da! Otimo post!!!

    Responder

    • 24/11/2013 em 11:28 am

      Ah, esqueci de dizer, que pra distancias curtas tem um acessorio que eh o “portrait kit #471/581A” que pega entre 19 e 42 polegadas. Esse acessorio ai que eu tenho serve pra 250, 350 e 360 (por causa do range finder que usam) e serve na minha 100 tb pq ela ta com o range finder da 250. xD

      Responder

  • Lanna
    07/09/2013 em 10:50 am

    f/42 mano…. tô muito impressionada! hahahahah

    Responder

Deixa aí seu comentário!