0comentários

A Vida a Morte do Filme

por em 08/09/2013
 

Não, eu não acho que o filme morreu. Se não esse site não existiria. Mas de fato as mudanças foram, e continuarão sendo bruscas. O filme deixou – pra sempre, na minha opinião – de ser um produto de massa, pra se tornar um produto de nicho (já falamos disso aqui, e em outros posts).

Mas isso não faz o vídeo abaixo deixar de ser genial. Trata-se de uma encenação, criada, roteirizada e dirigida por um cara chamado Tyler Shields.

Eu tentei achar uma transcrição do texto pra traduzir e colocar aqui, mas infelizmente não consegui, e não vou ter tempo (#mimimi) de fazer a transcrição eu mesmo (se alguém achar, me avisa que eu coloco aqui ;-)

Em resumo, o vídeo é uma homenagem belíssima a importância do filme no decorrer da história da fotografia, através de um monólogo de um cara que representa o filme (ou os filmes) em si. E o mais legal é ver a personalidade que o cara deu pro personagem/filme: elegante, temperamental, extremamente educado, sabe se comunicar de forma excelente. Não sei você, mas pra mim, se um rolo de filme ganhasse vida, ele seria assim mesmo… :-P

Veja o vídeo e diga o que achou!

http://youtu.be/2Ggpyi0ahxA ]

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

Seja o primeiro a comentar!
 
Deixe uma resposta »

 

Deixa aí seu comentário!