4comentários

Papo Analógico #4: médio formato

por em 02/04/2015
 

O bom filho à casa retorna! Ou quase isso: pode até parecer brincadeira de 1º de Abril, mas não: o Papo Analógico está vivo, e essa é a quarta edição, fruto da parceria dos sites Queimando Filme e Papo de Fotógrafo.

Antes de que nos xinguem, queria esclarecer que vamos tentar ter um cronograma mais certo para o Papo Analógico. Entretanto, precisamos – e muito – de vocês! Deixem suas dúvidas, opiniões e o que mais quiserem aí nos comentários. Não garantimos que leremos todos, mas quem sabe a gente não lê o seu? ;)

No episódio de hoje focamos no médio formato, esse formato tão… ~misterioso, que muitos dos que começaram a fotografar após a era digital desconhecem. Câmeras, sugestões de como começar, filmes interessantes, prós e contras: tentamos resumir um pouco do que é esse mundo, mas com total consciência de que ele é bem maior que isso. E, para isso, contamos com a nossa primeira participação especial, de um leitor/ouvinte que nos acompanha há tempos: o Romero Araujo, popularmente conhecido no GQF – nosso grupo no Facebook – pela hashtag “compraRomero“.

Sem mais delongas, aqui está o episódio:


ABAIXO VOCÊ CONFERE OS LINKS CITADOS NO PODCAST:

Edição anterior do Papo Analógico:
Papo Analógico #1: O novo Podcast do Queimando Filme
Papo Analógico #2: Gosto pessoal e afins…
Papo Analógico #3: antes tarde do que nunca… ;)

Material sobre médio formato:
E o filme 120?
Os Formatos do Filme 120
Além do “fullframe”: Hasselblad Xpan e Fuji GF670
Uma breve história da Hasselblad
Amores de verão – um empréstimo e minha primeira vez com filme 120
Belair: a Lomography e a volta das câmeras de fole…

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 
  • Flávia
    09/08/2015 em 4:52 pm

    Raul, muito obrigada. Vou levar sim, você sabe qual é a média de preço da revisão? Acho que vou fazer isso essa semana.

    Responder

  • Raul Arthuso
    04/05/2015 em 2:06 am

    Celso Eberhardt – Rua São Bento, 279 cj. 508. Revisou minha K1000. As lentes não sei se ele dá um trato, mas não custa levar.

    Responder

  • Flávia
    30/04/2015 em 10:36 pm

    Gente, preciso de ajuda, conselhos ou um apoio moral.
    Comprei uma Pentax K1000, com um flash, uma lente 50mm e outra lá que não sei, mas é grande. (Deu pra ver que eu entendo do assunto. Mas chego lá!)
    Pois então, paguei nisso tudo R$400,00. A câmera não está revisada e parece que há muito tempo não mexiam nela. Dei uma olhada nas lentes e parece que estão com os fungos que tanto falam por ai, parecem mini teias de aranha. Da pra ver quando aponto as lentes pra luz.
    Já sei que vou precisar mandar alguém revisara câmera e limpar essas lentes, mas onde? Sou de SP, capital.
    Será que vale a pena continuar investindo ou eu perdi meu dinheiro? =\
    Obrigada. =]

    Responder

Deixa aí seu comentário!