3comentários

Matheus Thierry e o Baile Funk de Quinta analógico

por em 31/03/2016
 

Eu tento checar o Grupo Queimando Filme, no Facebook, com uma certa frequência. Tento passar todos os dias por lá, pra pelo menos ver novidades e o que estao falando. Essa semana, a rotina não foi diferente, mas foi quando eu me deparei com algumas fotos de uma festa em Salvador, chamada Baile Funk de Quinta. O que me chamou a atenção nas fotos, produzidas pelo fotógrafo Matheus Thierry, foi a simplicidade e a estética delas, que me lembraram muito as festas dos anos 70 e 80.

Entrei em contato com o Matheus e pedi autorização para fazer um artigo sobre as fotos dessa festa, e ele autorizou. Abaixo, está o depoimento que ele mandou junto com o e-mail – e as fotos da festa, todas feitas com uma compacta analógica.

—————————-

Eu fotografo festas com câmera digital desde 2012, sempre tive vontade de fotografar com analógica mas nunca tinha acontecido. Esse ano eu comecei a me interessar mais, fiquei pesquisando o trabalho de fotógrafos antigos e o Mauricio Sacramento, produtor da BATEKOO, me perguntou se eu tinha interesse de fotografar uma festa nova dele, Baile Funk de Quinta, em analógico.

A cena atual de Salvador é certamente a coisa mais legal que eu já vi acontecendo na cidade, algumas festas carregam um empoderamento de minorias muito grande. Comprei uma câmera bem simples no mercado livre e fiquei completamente apaixonado por fotografar festas com câmera analógica; passei a me ver mais como um observador de coisas visualmente interessantes, é um exercício de paciência e eu acabo focando mais no que é realmente legal de mostrar.

Quanto vale esse post pra você?
Pense nisso e, se achar justo, colabore conosco! Você pode apoiar o Queimando Filme através de doações (faça a sua aqui!), divulgando esse post para seus amigos, ou até simplesmente clicando nos banners dos anunciantes! Tudo isso ajuda o Queimando Filme a continuar postando conteúdo de qualidade para todos os amantes da fotografia analógica ;-)

comentários
 
Deixe uma resposta »

 

Deixa aí seu comentário!